Futebol

GRUPO A: Com time reformulado, Santos tenta voltar a disputar o mata-mata do Paulistão


O grupo A do Paulistão chega com o Santos como amplo favorito a ficar com a liderança. No entanto, o clube terá de lutar juntamente com Portuguesa, Ituano e Santo André por uma das duas vagas – algo que não conseguiu nas últimas três edições do principal estadual do país.

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR A HBO MAX E TER ACESSO A JOGOS EXCLUSIVOS DO PAULISTÃO!

Vale lembrar, no entanto, que os times não se enfrentam entre si na primeira fase. Pelo regulamento, as equipes enfrentarão as outras 12 do Paulistão na primeira fase e os dois primeiros colocados se classificam para as quartas de final, nas quais se enfrentam entre si.

Confira, abaixo, um guia completo dos quatro times do grupo:

SANTOS

Maior time e aquele com mais conquistas dentre os quatro do grupo, o Santos entra em 2024 em uma temporada atípica, tendo apenas o Paulistão e a Série B do Brasileirão para disputar durante todo o ano. No campeonato estadual, a meta será, ao menos, retornar ao mata-mata da competição, tanto para se classificar para a próxima Copa do Brasil quanto para disputar jogos eliminatórios do torneio, algo que não acontece desde 2020.

Time-base: João Paulo; Aderlan, Gil, Joaquim e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Tomás Rincón (João Schmidt), Giuliano, Pedrinho e Guilherme; Julio Furch.

Técnico: Fábio Carille

Técnico do Santos entre o final de 2021 e o começo de 2022, Carille retornou à Vila Belmiro após passagem pelo futebol japonês com a incumbência de levar o clube de volta à elite. Antes, no Paulistão, o Peixe terá de superar a desconfiança da torcida para retornar ao mata-mata sob o comando do treinador.

Melhor jogador: João Paulo (goleiro)

Apesar de não estar na sua melhor fase, o goleiro segue como titular absoluto da meta do Santos e decidiu ficar e reduzir seu salário para ajudar o Peixe a retornar para a Série A do Brasileirão.

Melhor campanha da história: Campeão (22 títulos, sendo o último em 2016)

Campanha de 2023: 11º colocado (eliminado na fase de grupos)

Estádio: Vila Belmiro

ITUANO

A equipe de Itu chega para a temporada de 2024 visando uma campanha tão boa quanto a do ano passado, quando parou apenas na semifinal, para o campeão Palmeiras. Para isso, porém, a equipe terá de apresentar um futebol melhor do que o da Série B de 2023, ano em que o Ituano brigou para não cair para a Série C.

Time-base: Jefferson Paulino; Léo Duarte, Claudinho, Marcel e Jonathan; Thonny Anderson, Eduardo Person e Jean Pyerre; Neto Berola, Salatiel e Matheus Cadorini

Técnico: Marcinho

Conhecido ex-meio-campista que atuou por São Caetano e Palmeiras, Marcinho é o técnico remanescente da temporada passada, quando o clube brigou contra o rebaixamento e se salvou da queda para a Série C. Recentemente, trabalhou também como auxiliar técnico do Red Bull Bragantino.

Melhor jogador: Jefferson Paulino (goleiro)

O goleiro de 32 anos de idade foi o grande destaque da equipe do interior na campanha de semifinalista de 2023, principalmente nas quartas, fora de casa, contra o Corinthians. 

Melhor campanha da história: Campeão (2002 e 2014)

Campanha de 2023: 12º colocado (eliminado na semifinal para o Palmeiras)

Estádio: Novelli Júnior

PORTUGUESA

A tão tradicional Portuguesa viveu períodos dramáticos em sua história, sem divisão nacional para jogar e sem sequer estar no primeiro escalão estadual. A Lusa, contudo, vem para seu segundo ano consecutivo na elite e terá reforços de jogadores renomados, como o meia Giovanni Augusto, ex-Corinthians, e os atacantes Henrique Dourado, ex-Palmeiras e Flamengo, e Victor Andrade, ex-Santos.

Time-base: Thomazella; Eduardo Diniz, Yeferson Quintana, Marco Antônio e Marquinhos Pedroso; Zé Ricardo, Ricardinho e Giovanni Augusto; Luccas Paraizo, Henrique Dourado e Victor Andrade

Técnico: Dado Cavalcanti

Após ter uma experiência como auxiliar técnico de Fernando Diniz na Seleção Brasileira, Dado Cavalcanti foi o escolhido para tentar a classificação para a próxima fase com a Lusa. Ele ainda tem passagens por times como Santa Cruz, Náutico, Paysandu, Ceará, Bahia, entre outros.

Melhor jogador: Giovanni Augusto (meia)

O camisa 10 foi a principal contratação para a atual temporada, depois de participar da campanha de acesso da Série B para a Série A com o Vitória.

Melhor campanha da história: Campeão (3 vezes, sendo a última em 1973)

Campanha de 2023: 14º colocado (eliminado na fase de grupos)

Estádio: Estádio do Canindé

SANTO ANDRÉ

Integrante da Série D no Campeonato Paulista, o Santo André chega como um dos postulantes a zebra no grupo A. O vice-campeão da edição de 2010 quer uma colocação melhor que a do ano passado, quando conseguiu se salvar do rebaixamento, mas não conquistou a classificação por meio do seu grupo. Para esta temporada, o Ramalhão apostou numa linha de defesa com alguns nomes importantes, como o lateral-direito Júnior Caiçara, ex-Santos, os zagueiros Walce, ex-São Paulo, e Luiz Gustavo, ex-Palmeiras, além do lateral-esquerdo Edimar, ex-Cruzeiro e Vasco.

Time-base: Luiz Daniel; Júnior Caiçara, Walce, Luiz Gustavo e Edimar; Dudu Vieira, Sousa e Geovane; Felipe Ferreira, Lohan e Cléo Silva.

Técnico: Fernando Marchiori

O treinador de 44 anos de idade retorna ao Santo André para sua segunda passagem pela equipe do ABC. A primeira ocorreu em 2019. Na carreira, ele treinou Cuiabá, Água Santa, Portuguesa, ABC, Náutico, Sampaio Corrêa, entre outros.

Melhor jogador: Edimar (lateral-esquerdo)

Ex-São Paulo, Cruzeiro, Vasco e Red Bull Bragantino, o experiente jogador de 37 anos de idade é o principal destaque da equipe do ABC Paulista. Na última temporada, ele disputou a Série B pelo CRB.

Melhor campanha da história: Vice-campeão (2010)

Campanha de 2023: 10º colocado (eliminado na fase de grupos)

Estádio: Bruno José Daniel